Ana Fernandes é síndica profissional e atualmente está no Programa Nacional de Desenvolvimento de Síndico Preposto BRBRASIS - Certificação Prática Avançada. Está em preparação para atuar com os principais síndicos profissionais de Alto Desempenho do Estado de São Paulo. Na linha de conhecimento avançado de um síndico preposto não pode faltar o conhecimento aprofundado em Planejamento, linha que soma a gestão das empresas as quais o síndico preposto venha a trabalhar.

Devido a importância deste tema o Jornal Síndico Profissional convidou a Síndica Preposta Ana Fernandes para dar algumas dicas sobre este assunto. Confira:

Jornal Síndico Profissional Jornalista Eli Antonelli : Ana, o que é um Plano Diretor Condominial?
Síndica Preposta Ana Fernandes: Plano Diretor é o planejamento estratégico da gestão que o Síndico fará no Condomínio. Para isso, o Síndico terá que fazer uma análise financeira e operacional do condomínio, elencando as ações que serão realizadas, as prioridades, determinando prazos, e, acompanhando essa rotina para que seja executada conforme com o que foi planejado. É muito importante que seja feita uma análise da Convenção, Regulamento Interno e verificação das últimas Atas, tomando conhecimento do que tem que ser feito, o que foi decidido, o que efetivamente já está feito e que ainda tem para fazer.

Jornal Síndico Profissional Jornalista Eli Antonelli : Quais as etapas de um Plano Diretor eficiente?
Síndica Preposta Ana Fernandes: Em uma 1ª etapa de preparação do Plano Diretor, devem ser feitos os levantamentos preliminares como análise e avaliação de contratos, sistemas e procedimentos de segurança, rotinas dos funcionários, enfim, todos os processos operacionais. Identificar toda a sua estrutura e organização para detalhar todos os pontos a serem tratados e posteriormente trabalhados. Depois fazemos os levantamentos para gestão financeira e contábil. Para fazer o levantamento financeiro é muito importante analisar a última previsão orçamentária e comparar com o que foi feito e gasto, assim teremos uma visão ampla da atual situação orçamentária do condomínio.
Com todas informações é necessário fazer uma compilação dos dados, com inspeção das áreas, fazer um checklist de tudo o que foi visto e analisado e ir para a preparação de relatório que deixe clara a situação atual do condomínio.

Jornal Síndico Profissional Jornalista Eli Antonelli : Quais os principais erros que os síndicos cometem que poderiam ser reduzidos com um planejamento eficiente?
Síndica Preposta Ana Fernandes: Com um planejamento eficiente o Síndico evita surpresas na prestação de contas, evita surpresas com problemas de pessoal, com as terceirizadas e prestadores de serviços, sabe quanto tem e o que pode gastar,  pode sugerir, em assembleia, alguma revisão, para cima ou para baixo (dependendo da situação financeira do condomínio) dos valores arrecadados, pois as contas devem estar bem administradas. O Síndico terá toda gestão sob controle o que irá proporcionar mais segurança e transparência do seu trabalho, fazendo com os condôminos saibam o que está sendo feito, com o zelo que se deve ter com o patrimônio dos mesmos, isso gera bom relacionamento e participação dos moradores e funcionários, fazendo um ambiente seguro e de harmonia. Lembrando que os condôminos, são parte muito importante do Plano Diretor, pois devem ser ouvidos em suas reclamações e sugestões.

Jornal Síndico Profissional Jornalista Eli Antonelli : Quais são os principais itens de controle de um Plano Diretor eficiente?
Síndica Preposta Ana Fernandes: Planejamento financeiro e contábil / Gestão de contratos e terceirizadas / Gestão de pessoal Gestão de segurança / Manutenção
  
Jornal Síndico Profissional Jornalista Eli Antonelli : Quais dicas você daria para o síndico que não implantou ainda um processo de gestão em seu condomínio?
Síndica Preposta Ana Fernandes: Que comece agora mesmo, pois o Síndico tem acesso a todas as informações e consegue montar um planejamento para um período, o que faz com que ele tenha um norte para seguir, organizando as rotinas, estabelecendo prazos, fazendo com que todos os envolvidos entendam, participem e apoiem o que está sendo feito, pois disso se tem a valorização do patrimônio, o que é interessante para todos envolvidos. Conhecendo as pessoas, ouvindo os condôminos e funcionários, se tornando próximo a tudo o que envolve o condomínio, trazendo soluções, ouvindo sugestões, estreitando relacionamento e proporcionando conforto e segurança para quem mora e trabalha no condomínio.


  • Sua participação é fundamental. Deixe uma pergunta para a Síndica Preposta Ana Fernandes.  Você quer falar mais sobre este tema? Deixe seu comentário abaixo.

Post a Comment

Muito obrigado por seu comentário. Não esqueça de deixar seu NOME e CIDADE no seu comentário.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Deixe seu comentário

Deixe aqui seu comentário. Não esqueça de escrever seu nome e cidade. Sua opinião é muito importante para o JORNAL SINDICO PROFISSIONAL. Você pode escrever aqui ou enviar para jornalsindicoprofissional@gmail.com