A aluna do Curso Avançado de Formação de Síndico Profissional - CERTIFICAÇÃO BRBRASIS CONDOMÍNIOS Paula Vieira de São José dos Campos está participando do estudo sobre PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA. O resultado do estudo é compartilhado pelo Jornal Síndico Profissional

O objetivo é que nossos leitores se integrem aos alunos da Agência Brbrasis e somem ao desenvolvimento do conhecimento. Confira o conteúdo da aluna Paula e deixe seu comentário e sua pergunta sobre o tema. Será repassado para a Paula e para os especialistas em Administração Condominial que acompanham o treinamento Brbrasis. 

Artigo Produzido pela Aluna do Curso Brbrasis Paula Vieira de São José dos Campos. 

Previsão Orçamentária algo que deve ser feito com muita atenção e detalhes, ou seja, o sindico não deve se preocupar apenas com o percentual que a taxa condominial irá subir de acordo com os índices (inflação, convenção coletiva, etc...), são fatores também importantes, porém não decisivos ao se montar a Previsão Orçamentária. 

Para uma correta elaboração deve-se levar em conta os 12 últimos meses da vida financeira do condomínio, verificando-se:
  • Gastos com manutenções não previstas;
  • Gastos com manutenções que não estavam cobertas pelo seguro do condomínio, com este dado, já se pensar na próxima apólice;
  • Gastos com manutenções preventivas: neste item se gasta muito menos com manutenções não previstas;
  • Verificação de contratos de prestação de serviço: o que são necessários e os que podem ser cancelados ou contratados por um curto período de tempo;
  • Verificar todos os gastos no período e projetar uma vida financeira de acordo com a realidade do condomínio;
  •  Traçar métodos para o controle da inadimplência, fazer um relatório do índice da inadimplência, tomar muito cuidado com a inadimplência sazonal, muitas vezes se faz uma excelente Previsão Orçamentária sem dar muito valor a este fator, que pode colocar a vida financeira do condomínio em situação difícil. Deve-se fazer um RX da inadimplência e trabalhar com muita atenção durante todo o período, se possivel já traçando metas objetivas para que algo aconteça durante o ano;
O Gestor condominial deverá ter muita calma ao apresentar obras e manutenções para á assembleia, sem se embasar nos dados do ano anterior. Temos que fazer obras necessárias, obrigatórias e emergenciais .
Por fim , o sindico nunca deve fazer a Previsão Orçamentária sozinho. Tenha o apoio do seu conselho, da administradora, se possivel de alguma morador que possa auxilia-lo.

Previsão Orçamentária é mais do que reajuste na taxa condominial . Seja responsável ao prever o orçamento para não ter dor de cabeça no decorrer do ano.
Obrigada pela oportunidade e um feliz 2020 a todos os leitores do Jornal Síndico Profissional. Aguardo seu contato e suas observações sobre este estudo. 


Post a Comment

Muito obrigado por seu comentário. Não esqueça de deixar seu NOME e CIDADE no seu comentário.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Deixe seu comentário

Deixe aqui seu comentário. Não esqueça de escrever seu nome e cidade. Sua opinião é muito importante para o JORNAL SINDICO PROFISSIONAL. Você pode escrever aqui ou enviar para jornalsindicoprofissional@gmail.com